A Sopa da Pedra / Um Ladrão Debaixo da Cama

 


Autora:
Alice Vieira
Ilustração: Vanda Romão
Coleção: Histórias Tradicionais Portuguesas
Género: Infantil
Edição: Jul/2018
Páginas: 36
ISBN: 9789722129343
Editora: Caminho

 

 

A primeira história conta como o Frei Gil, longe do seu convento, e com muita fome conseguiu, de forma ardilosa, uma bela sopa. E para isso só precisou de uma pedra.
Na segunda história há uma velha muito velha, há um neto, há um ladrão, há vizinhos e muita confusão. O ladrão quis enganar a velha muito velha, mas quem foi enganado foi ele.

Desta autora no Segredo dos Livros (infantojuvenis):
Rosa, Minha Irmã Rosa
Expressões com História
Rimas Perfeitas, Imperfeitas e Mais-que-perfeitas

Autor – Alice Vieira

Autora:

Alice Vieira nasceu em 1943 em Lisboa. É licenciada em Germânicas pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Em 1958 iniciou a sua colaboração no Suplemento Juvenil do Diário de Lisboa e a partir de 1969 dedicou-se ao jornalismo profissional. Desde 1979 tem vindo a publicar regularmente livros tendo, actualmente, editados na Caminho cerca de três dezenas de títulos.
Recebeu em 1979, o Prémio de Literatura Infantil Ano Internacional da Criança com Rosa, Minha Irmã Rosa e, em 1983 com Este Rei que Eu Escolhi, o Prémio Calouste Gulbenkian de Literatura Infantil e em 1994 o Grande Prémio Gulbenkian, pelo conjunto da sua obra. Recentemente foi indicada pela Secção Portuguesa do IBBY (International Board on Books for Young People) como candidata portuguesa ao Prémio Hans Christian Andersen. Trata-se do mais importante prémio internacional no campo da literatura para crianças e jovens, atribuído a um autor vivo pelo conjunto da sua obra.
Alice Vieira é hoje uma das mais importantes escritoras portuguesas para jovens, tendo ganho grande projecção nacional e internacional. Várias das suas obras foram editadas no estrangeiro.

Saiba mais em alicevieira.net

0 comentários
0 likes
Anterior: Brasil em CampoSeguinte: Breve História da Europa – Da Grande Guerra aos Nossos Dias – Apresentação em Oeiras

Comentar