Coisas Que Acontecem

FaceBook  Twitter  

 

 

Autora: Inês Barata Raposo
Ilustração: Susa Monteiro
Género: Juvenil
Edição: Nov/2018
Páginas: 112
ISBN: 9789898166333
Editora: Bruaá

 

 

Prémio Branquinho da Fonseca 2017
"Dizem que os adolescentes não sabem nada sobre a vida. Por isso, nos casos raros em que sei alguma coisa, faço questão de não dizer a ninguém. Há certos perigos em partilhar pensamentos profundos quando se tem uma colónia de acne acampada na testa - não é por acaso que vos estou a falar em regime de anonimato.
(…) Tudo o que precisam de saber sobre mim também cabe num dia. Um dia que não precisou de ser alegre ou triste para ser marcante. É possível que tenha sido as duas coisas ao mesmo tempo e eu nem dei conta. A vida é muito assim."

Coisas que acontecem, o primeiro livro de Inês Barata Raposo, e também o primeiro título da colecção juvenil da Bruaá Editora, é uma história sobre amizade e o fim da amizade na adolescência.
Uma obra que o júri do Prémio Branquinho da Fonseca premiou pela sua destreza narrativa, plasticidade da linguagem e por uma inusitada capacidade de usar a ironia e um aprofundado sentido de humor para aludir a alguns dos temas centrais da vida de uma adolescente.

Autora:

Inês Barata Raposo, natural de Castelo Branco, venceu o prémio Branquinho da Fonseca Expresso/Gulbenkian na modalidade juvenil com o livro Coisas que Acontecem (2018). Em 2017 foi a única selecionada na categoria de literatura do concurso nacional Jovens Criadores. No mesmo ano, o seu conto Uma Maçã por Dia foi escolhido para integrar a antologia A Criança Eterna editada pelo Centro de Estudos Mário Cláudio.
Estudou Comunicação, Edição de Texto e Artes da Escrita na Universidade Nova de Lisboa. Ex-bolseira do Instituto Camões, passou pelo mundo do jornalismo e pelo mercado editorial.
Atualmente mora numa aldeia do interior de Portugal e trabalha como redatora freelancer.

Autora:

Susa Monteiro nasceu em Beja em 1979, cidade onde reside. Estudou Realização Plástica do Espectáculo na Escola Superior de Teatro e Cinema de Animação no CITEN. Trabalhou como figurinista e aderecista até 2005, ano em que passa a dedicar-se à ilustração e à banda desenhada. Tem ilustrado livros para todas as idades e em várias editoras. Também ilustra regularmente para a imprensa. Desde 2009 ilustra a crónica de António Lobo Antunes para a revista Visão. O seu trabalho tem sido exposto em galerias e festivais de ilustração e banda desenhada um pouco por todo o país e estrangeiro.

Tem de iniciar sessão para submeter o seu comentário.

Últimas Opiniões

  • Eça de Queiroz segundo Fradique Mendes
    Depois de ler várias obras de Sónia Louro, concluo que a sua escrita está cada vez melhor. Este livro ...
  • 14.01.2019 00:06
  • Cinco Meninos, Cinco Ratos
    Este livro é o segundo volume da série "Mitologias" e pouco mais poderei acrescentar à minha apreciação ...
  • 26.12.2018 21:37
  • O Judeu
    Bernardo Santareno é, sem dúvida, um dos maiores, se não o maior dramaturgo português do século XX. Era ...
  • 07.12.2018 13:53

Últimos Tópicos

Uma Pequena Palavra...

"Como um dia alguém me ensinou, os bons amigos são como os livros, nunca partem de vez. Sempre ficam no nosso coração."
Alberto S. Santos, in Para lá de Bagdad