Histórias de (En)contar de um Lobo que Não Gostava de Matemática

Autora: Maria Francisca Macedo
Ilustração: Jaime Ferraz
Género: Infantil
Edição: Out/2020
Páginas: 48
ISBN: 9789896232900
Editora: Fábula

 

Todos conhecem o lobo mau das histórias de encantar.
Come um capuchinho ao almoço,
Três porquinhos ao lanche
e sete cabritinhos ao jantar.
E se ele não souber contar?
Nem sete, nem três, nem um!
Nem todos, nem nenhum
Ficará tão baralhado que acaba em jejum?

Como o nome indica, o personagem principal é um lobo, que tinha grande aversão à Matemática e dificuldade em encontrar um bom jantar. Cheio de fome, vai-se cruzando com várias personagens (figuras-tipo das histórias tradicionais, como os 3 porquinhos, os 7 cabritinhos, capuchinho vermelho), mas a tarefa afigura-se complicada. Será que vai conseguir comer alguma coisa?
As peripécias deste lobo esfomeado vão divertir todos os leitores!
Com um texto interpelativo e inteligente, escrito em verso, está repleto de humor e referências a histórias bem conhecidas das crianças.
As ilustrações modernas e apelativas realçam o humor e nonsense do texto.

Texto vencedor do Prémio Literário Maria Rosa Colaço de Literatura Infantil, em 2019.

Extrato disponível aqui.

Idade-alvo: A partir dos 7 anos.

Desta autora no Segredo dos Livros:
Coleção “O Clube dos Cientistas”, cuja lista pode consultar aqui.

Autor – Maria Francisca Macedo

Autora:

Maria Francisca Macedo nasceu em 1988 e cresceu entre a cidade e o campo. Sempre foi aventureira e curiosa. Desde pequena que é apaixonada por ciências, experiências e animais, mas também por histórias e mundos fantásticos. Num canto do seu quarto chegou a ter todo o tipo de animais improváveis: rãs e girinos, caracóis gigantes, patos, codornizes, coelhos e muitos outros! Sempre com o objetivo de os investigar e percebê-los melhor. Foi também no seu quarto que a cadela e a gata da família escolheram ter ninhadas, imagine-se! Seguiu o curso de Biologia, que era o que fazia mais sentido. Mas, quando percebeu que os verdadeiros apaixonados por experiências, perguntas e histórias eram as crianças, mudou de curso e tornou-se professora do Ensino Básico, em 2011. No sentido de dar asas à sua imaginação, tem procurado cursos de escrita criativa, de ilustração e de literatura infantil.
Para além de dar aulas, vai (sempre que lhe é pedido!) às escolas e bibliotecas encontrar-se com alunos e professores para fazer experiências e estimular a leitura, a ciência e a criatividade. Graças a este projeto, foi distinguida pelo GLOBAL TEACHER PRIZE 2018, com uma Menção Honrosa pelo elevado contributo para a Educação e Sustentabilidade Social.

Autor – Jaime Ferraz

Autor:

Jaime Ferraz nasceu em Lisboa, em 1986. Licenciou-se em Design de Comunicação pela Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa, mas antes andou de skate, jogou à bola e subiu às árvores. Co-fundou uma pequena editora, a Swimming Book. Entretanto, deu aulas de judo, estagiou no Pato Lógico e trabalhou numa gráfica. Gosta de fazer desenhos no papel e na parede e de cuidar de uma pequena horta na sua varanda. O seu caril de legumes é bastante apreciado. Máquina, editado pela Pato Lógico, o seu primeiro livro, foi alvo de uma menção na 22.ª edição do Prémio Nacional de Ilustração.

0 comentários
0 likes
Anterior: O Clube dos Cientistas 14: Fora de JogoSeguinte: Murro no Estômago – Violência doméstica na primeira pessoa

Comentar

Siga-nos no Facebook
Facebook Pagelike Widget
Últimos Livros Comentados
Tópicos recentes