A Arte de Dizer Não

 

 

Autor: Joaquim Quintino Aires 
Edição: Nov/2015
Páginas: 168
ISBN: 9789892333755
Editora: Lua de Papel

 

 

 

Quando olhamos para trás e recordamos as primeiras palavras dos nossos filhos, ocorre-nos por exemplo "papá" - que para uma criança tanto pode querer dizer "pai" como "pão". Ora, a primeira palavra que o bebé diz com intenção de passar uma mensagem concreta é Não. É a manifestação clara de uma recusa. É o modo como manifesta uma escolha, afirma a personalidade e se assume como um ser humano único. O Não é determinante para a nossa felicidade presente e futura. Ao comunicarmos uma recusa, estamos a definir as fronteiras do nosso mundo. Não queremos dar boleia a um colega? Dizemos Não. Não nos apetece sexo? Dizemos Não. Achamos a ordem do chefe abusiva? Não, Não e Não.

Só assim ficaremos bem connosco próprios. Infelizmente, no dia a dia, esquecemo-nos muitas vezes do papel estruturante do Não na salvaguarda da nossa identidade. Usamos a prenda que o marido nos deu, mesmo não gostando; aceitamos a afronta do filho porque temos medo de o contrariar! O psicólogo Joaquim Quintino Aires ajuda-nos a usar o Não para construirmos um Eu mais forte e mais seguro. Dá-nos conselhos muito práticos para o usarmos com convicção: com os pais e amigos, com os filhos, nas relações amorosas, no emprego ou nas compras. E ensina-nos A Arte de Dizer Não tal como deve ser posta em prática, sempre com um sorriso , o sorriso da nossa vitória.

Leia as primeiras páginas aqui.

Autor:

Joaquim Quintino Aires nasceu em Nisa, no Alentejo, a 6 de Agosto de 1967. Em 1985, com a entrada para a universidade, apaixonou-se por Lisboa. Depois da licenciatura e do mestrado em Psicologia, na Universidade Clássica de Lisboa, doutorou-se em Psicolinguística, na Universidade Nova de Lisboa. Atualmente estuda Medicina na UAX em Madrid. Psicólogo Clínico e Professor Universitário, ensina Psicoterapia e Neuropsicologia em Lisboa, São Paulo e Luanda. Desde 1998, colabora regularmente na comunicação social, assinando as rubricas Hora do Sexo, na Antena 3, Consultório de Afecto, na revista Flash e TV Guia, Consultório de Sexo, nas revistas Telenovelas e TV Mais, e escreve também na revista Cristina. Há nove anos que apresenta uma rubrica no programa Você na TV, na TVI.
Em 2007, publicou o seu primeiro livro, O Amor é Uma Carta Fechada, ao qual se seguiram Vai Valer a Pena, O Amor Não se Aprende na Escola e 15 Minutos com o Seu Filho. Em 2011, recebeu o título de Professor Emérito da Universidade de Moscovo. Em 2012, foi condecorado pela Sociedade Russa de Psicologia e recebeu o Prémio Copérnico 2012, conferido pela Sociedade Polaca de Neuropsicologia.

Veja aqui o booktrailer:

Tem de iniciar sessão para submeter o seu comentário.

Últimas Opiniões

  • Autópsia
    Lê-se na contrapaca deste livro que se trata de "uma arrepiante distopia, retrato de uma humanidade náufraga".
  • 21.10.2019 22:21
  • A Recriação do Mundo
    Não é segredo que a Alemanha e a URSS correram contra o tempo e contra os Estados Unidos da América para ...
  • 22.09.2019 13:21
  • Hugo Chávez, o colapso da Venezuela
    Gosto de estar bem informado e não fazer juízos sem conhecimento de causa. O governo da Venezuela tem ...
  • 02.09.2019 14:09

Últimos Tópicos

Uma Pequena Palavra...

“Você deve escrever o livro que quer ser escrito. E, se for um livro muito difícil para crescidos, então escreva-o para crianças.” 
Madeleine L’Engle