Jihadismo Global

 

 

Subtítulo: Das Palavras aos Actos
Autor: Felipe Pathe Duarte
Edição: Set/2015
Páginas: 312
ISBN: 9789897541865
Editora: Marcador

 

 


Os atentados de 11 de setembro trouxeram para o nosso quotidiano assuntos como o terrorismo, jihadismo, a Al-Qaeda ou o «Estado Islâmico». Nem sempre foram interpretados da melhor forma.
Por um lado, foram assumidos como manifestações de violência armada de religiosidade. Por outro, encaram-se como algo inovador e paradigmático. Mais ainda. A violência jihadista passou também a ser lida como o fruto de uma organização disfuncional e operacionalmente controversa. Ou seja, uma violência não-instrumental, irracional, empurrada pelo fanatismo religioso e ofuscada pelo culto do martírio.
Este livro porá em causa as premissas que levaram a estas conclusões.

A violência armada em nome do Jihadismo não é necessariamente uma manifestação violenta do Islão. Aliás, no que se reivindica há propósitos políticos e fórmulas seculares bem delineados. Para o cumprimento dos objetivos está uma aplicação eficiente e instrumental da violência armada. Tudo isto é fruto de uma estratégia racional e de longo prazo.
No fundo, trata-se de um livro sobre o pensamento estratégico do jihadismo global. E o objetivo foi ler o movimento para além das suas óbvias manifestações.

Autor:

Felipe Pathé Duarte nasceu em 1980. É director de Research & Analysis da Global Risk Awareness e professor auxiliar no Instituto Superior de Ciências e Segurança Interna. É mestre e doutor em Ciência Política e Relações internacionais pelo Instituto de Estudos Políticos da Universidade Católica Portuguesa, mas licenciou-se em Filosofia na Universidade de Coimbra.
É investigador integrado no Centro de Investigação do Instituto de Direito Penal e Ciências Criminais – Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, investigador associado do CEDIS – Faculdade Direito da Universidade Nova de Lisboa e do Centro de Investigação do Instituto de Estudos Políticos da Universidade Católica. Foi research fellow na Universidade de Oxford e no Counterterrorism and Homeland Security Program, do Center for Strategic and International Studies (CSIS), em Washington DC. Tem publicado em revistas nacionais e internacionais de arbitragem científica. Colabora frequentemente com os media nacionais e estrangeiros para assuntos de segurança e política internacional, sendo comentador residente do programa «Olhar o Mundo» (RTP2). 
É orador convidado em vários cursos de formação das Forças Armadas Portuguesas e das Forças e Serviços de Segurança. Em 2007, publicou o livro No Crepúsculo da Razão, sobre o terrorismo do pós-Guerra Fria.

Tem de iniciar sessão para submeter o seu comentário.

Últimas Opiniões

  • Autópsia
    Lê-se na contrapaca deste livro que se trata de "uma arrepiante distopia, retrato de uma humanidade náufraga".
  • 21.10.2019 22:21
  • A Recriação do Mundo
    Não é segredo que a Alemanha e a URSS correram contra o tempo e contra os Estados Unidos da América para ...
  • 22.09.2019 13:21
  • Hugo Chávez, o colapso da Venezuela
    Gosto de estar bem informado e não fazer juízos sem conhecimento de causa. O governo da Venezuela tem ...
  • 02.09.2019 14:09

Últimos Tópicos

Uma Pequena Palavra...

 "Há mais do que uma maneira de queimar um livro. E o mundo está cheio de pessoas que correm de um lado para o outro com fósforos acesos".
Ray Bradbury in Fahrenheit 451