Quando o Corpo Começa a Mudar

 

 

Autora: Teresa Branco
Género: Saúde e Bem Estar
Edição: Fev/2017
Páginas: 224
ISBN: 9789892337623
Editora: Lua de Papel

 

 


Sempre bem depois dos 40

Quando chegam ao consultório da Dra. Teresa Branco, muitas mulheres queixam-se do mesmo: fazem exercício, alimentam-se com cuidado, mas ainda assim, quando olham para a balança, descobrem que continuam com peso a mais. Porquê? A resposta está quase sempre na idade. Uma coisa é ter 25 anos, comer à vontade, dormir a desoras, e de manhã sentir que as calças ainda servem na perfeição. Outra, bem diferente, é perceber que a partir dos 35 ou 40 anos o corpo reage de forma diferente aos alimentos e ao estilo de vida. Felizmente, essa transição de jovem mulher para mulher adulta pode facilmente ser suavizada e controlada.

Quando o Corpo Começa a Mudar apresenta uma série de estratégias para contrariar o ritmo natural do corpo. Assim que o metabolismo começa a desacelerar, e a produção de hormonas se altera, a alimentação saudável e o exercício físico, por si só, não chegam. Neste livro vai encontrar planos alimentares, receitas e sugestões de suplementos nutricionais que voltarão a equilibrar o seu metabolismo. Pelo meio, aprenderá melhor o que fazer nos dias da TPM, como reduzir a tensão mamária ou a combinação certa de vitaminas e alimentos mais adequados para quem se aproxima dos 40.

Autora:

Teresa Branco nasceu há 42 anos em Oeiras. Licenciou-se em Educação Física e Desporto, concluiu o mestrado em Exercício e Saúde e, neste momento, aguarda pela defesa das provas públicas da sua tese de doutoramento em Controlo do Peso. É autora de vários livros, entre os quais se destaca Peso Pesado - 12 Semanas de Exercício e Dieta, título do Clube do Livro SIC editado pela Guerra e Paz, que é um dos bestsellers de 2011. Em 2007, foi premiada pela Universidade Técnica de Lisboa pelo seu desempenho profissional. É responsável pelas rubricas de gestão do peso na SIC Mulher e coordena as clínicas de gestão do peso Teresa Branco.

Tem de iniciar sessão para submeter o seu comentário.

Últimas Opiniões

  • A Ilustre Casa de Ramires
    NOTA: Este comentário contém spoilers (*** não leia se pretender ainda ler o livro ***) Após 2 ou ...
  • 28.06.2020 09:42
  • Imortal (José Rodrigues dos Santos)
    Acabei (finalmente) de ler o mais recente livro de José Rodrigues dos Santos - Imortal que trata de um ...
  • 01.06.2020 23:30
  • O Túmulo do Mestre
    Ótimo livro para se ler num fim de semana! Li-o em duas tardes. Os capítulos não são grandes, pelo ...
  • 19.04.2020 19:03

Últimos Tópicos

Uma Pequena Palavra...

"Algumas obras morrem porque nada valem; estas, por morrerem logo, são natimortas. Outras têm o dia breve que lhes confere a sua expressão de um estado de espírito passageiro ou de uma moda da sociedade; morrem na infância. Outras, de maior escopo, coexistem com uma época inteira do país, em cuja língua foram escritas, e, passada essa época, elas também passam; morrem na puberdade da fama e não alcançam mais do que a adolescência na vida perene da glória. Outras ainda, como exprimem coisas fundamentais da mentalidade do seu país, ou da civilização, a que ele pertence, duram tanto quanto dura aquela civilização; essas alcançam a idade adulta da glória universal. Mas outras duram além da civilização, cujos sentimentos expressam. Essas atingem aquela maturidade de vida que é tão mortal como os Deuses, que começam mas não acabam, como acontece com o Tempo."
Fernando Pessoa, in Heróstrato