A Luz do Fogo

 

 

  

 

 

Autora: Sophie Jordan
Edição: Mar/2011
Páginas: 296
Editora: Livros d’Hoje

Marcada como especial numa idade precoce, Jacinda sabe que cada movimento seu é controlado, mas anseia pela liberdade de poder faze r as suas próprias escolhas. Quando quebra o princípio mais sagrado entre a sua espécie, quase chega a pagar por isso com a própria vida. Até ser salva por um belo desconhecido. Um desconhecido que foi enviado para caçar aqueles que são como ela. Jacinda é uma draki – descendente de dragões cuja maior defesa é a habilidade secreta de mudar para a forma humana. Forçada a fugir para o mundo mortal com a sua família, Jacinda esforça-se por se adaptar ao seu novo ambiente. A sua única luz é Will. Um jovem lindo e evasivo que devolve a vida ao seu draki interior. Embora se sinta irresistivelmente atraída por ele, Jacinda sabe o segredo obscuro de Will: ele e a sua família são caçadores. Deve, por isso, evitá-lo a todo custo.
Mas o seu draki interior está a morrer lentamente – se ele morrer, ela será humana para sempre. Fará tudo para impedir que isso aconteça. Mesmo que isso signifique ficar mais perto do seu mais perigoso inimigo. Poderes míticos e um romance de tirar o fôlego inflamam a história de uma rapariga que desafia todas as expectativas e cujo amor atravessa quaisquer obstáculos.

Autora:
Sophie Jordan cresceu numa fazenda de cultivo de nozes-pecan na zona montanhosa do Texas, onde fantasiava com dragões, guerreiros e princesas. Foi professora de Inglês e autora best seller do New York Times na categoria de romances históricos da Avon. Agora vive em Houston com a família. Quando não escreve, passa o tempo a beber coisas com cafeína, a falar sobre enredos com quem a quiser ouvir (incluindo os seus filhos), e a ver séries de crimes e reality shows. Escreve, também, romances do paranormal sob o pseudónimo de Sharie Kohler.

3 comentários
0 likes
Anterior: Sonhos da AtlântidaSeguinte: Eterna Paixão

Comentários

  • Clarinda Cortes

    Julho 8, 2012 às 13:41
    Responder

    Não querendo entrar pela estória e contar o que se vai passar, falarei apenas das minhas sensações e perspetivas em relação a este livro. Encontrei aqui um novo tipo de criaturas fantásticas, dragões que se transformam em humanos, os Draki, possuidores de poderes especiais, diferentes uns dos outros, envoltos em magia e na sensação que muito mais há para descobrir. Vivem num clã, com regras e obrigações, revoltas, quebras,… e tudo o que é necessário para uma boa estória. Mesmo achando que este livro é mais juvenil, adorei-o, a ação é boa, mantém o leitor preso, a narrativa tem ritmo […] Ler Mais...Não querendo entrar pela estória e contar o que se vai passar, falarei apenas das minhas sensações e perspetivas em relação a este livro. Encontrei aqui um novo tipo de criaturas fantásticas, dragões que se transformam em humanos, os Draki, possuidores de poderes especiais, diferentes uns dos outros, envoltos em magia e na sensação que muito mais há para descobrir. Vivem num clã, com regras e obrigações, revoltas, quebras,… e tudo o que é necessário para uma boa estória. Mesmo achando que este livro é mais juvenil, adorei-o, a ação é boa, mantém o leitor preso, a narrativa tem ritmo e deixa-nos a querer mais no próximo livro, principalmente no que diz respeito ao mundo Draki. É um livro onde a personagem principal e as secundárias têm importância e desempenhos muito idênticos, o que torna a narrativa mais rica. É uma leitura fácil, fluída, uma narrativa consistente e veloz, com diálogos e descrições interessantes numa estória juvenil que me prendeu. Sophie Jordan é uma autora que vou, sem qualquer dúvida, seguir. Uma agradável surpresa que espero não demore muito a ter continuação. Read Less

  • Inês Santos

    Agosto 23, 2011 às 21:50
    Responder

    A Luz do Fogo é um dos melhores exemplos de um dos tipos de livros aos quais não resisto e que me viciam tanto que tenho que o ler sempre que possa... e mesmo que não possa.Neste caso a temática são os dragões, que não lia desde o tempo do Eragon.Sim, é mais um livro juvenil, mas toda a história não poderia ser alterada, visto que há muitos aspectos desta que têm que se passar num liceu.Claro que, se não fosse a verdadeira natureza da personagem principal, este livro não passava de um romance juvenil típico. Mas, tal como no […] Ler Mais...A Luz do Fogo é um dos melhores exemplos de um dos tipos de livros aos quais não resisto e que me viciam tanto que tenho que o ler sempre que possa... e mesmo que não possa.Neste caso a temática são os dragões, que não lia desde o tempo do Eragon.Sim, é mais um livro juvenil, mas toda a história não poderia ser alterada, visto que há muitos aspectos desta que têm que se passar num liceu.Claro que, se não fosse a verdadeira natureza da personagem principal, este livro não passava de um romance juvenil típico. Mas, tal como no Hush Hush, o elemento "especial" faz com que ultrapassem essa etiqueta. Claro que não vai ao encontro de muitos gostos, mas ao meu foi de certeza e vou esperar ansiosamente pela sequência, a qual já me disseram que ia sair em Setembro.Vou então aguardar pela continuação das aventuras de Jacinda, pelo seu castigo e pelo futuro de Will.As transformações de Jacinda são as minhas cenas preferidas, principalmente quando elas envolvem o Will. A mais preferida de todas foi sem dúvida a primeira, quando ela está na gruta, ele a encontra e se vêem pela primeira vez. Foi um momento marcante e nenhum o ultrapassou. Sophie Jordan tem bastante jeito para descrever e transmitir estes momentos que em cinema passariam em câmara lenta, o que nos faz ler e agarrar ainda com mais força o livro, para saber o movimento seguinte.Recomendo-o bastante. É um livro muito fácil de ler e que despachamos num piscar de olhos. Read Less

  • Fátima Rodrigues

    Julho 9, 2011 às 22:56
    Responder

    Jacinda é uma jovem draki, uma espécie descendente dos dragões que, para além dos poderes que podem ter, como criar bruma, nadar e viver de baixo de água, esquecimento nos humanos, podem transformar-se em aparentes humanos e assim andar no meio deles. Mas Jacinda é diferente, ela tem um poder que já não surgia faz muito, ela consegue cuspir fogo. Vive com a mãe e a irmã gémea que nunca se transformou num draki, visto o pai ter sido morto pelos caçadores de drakis. Depois de um incidente que dá origem a uma perseguição de caçadores a Jacinda e à […] Ler Mais...Jacinda é uma jovem draki, uma espécie descendente dos dragões que, para além dos poderes que podem ter, como criar bruma, nadar e viver de baixo de água, esquecimento nos humanos, podem transformar-se em aparentes humanos e assim andar no meio deles. Mas Jacinda é diferente, ela tem um poder que já não surgia faz muito, ela consegue cuspir fogo. Vive com a mãe e a irmã gémea que nunca se transformou num draki, visto o pai ter sido morto pelos caçadores de drakis. Depois de um incidente que dá origem a uma perseguição de caçadores a Jacinda e à sua melhor amiga, a mãe desta decide deixar o clã e ir viver para a cidade, fugir, tentar matar o draki de Jacinda e torná-la humana. Mas as coisas não vão ser tão simples como pensa e Jacinda descobre que Will, um colega de escola que, por acaso, foi o caçador que a salvou no passado, faz reviver o seu draki só por estar perto dela e que ambos nutrem sentimentos muito fortes um pelo outro. Mas a família de Will é de caçadores impiedosos que não olham a meios para matar os drakis e se Will a aceita, o mesmo nunca se passaria com os demais.No meio de muitas peripécias, conseguimos acompanhar o desenrolar do amor de Will e Jacinda, mas também o ódio de Xander, primo de Will e caçador insensível. Como todos os primeiros livros de uma saga, este enquadra-nos no ambiente e na história em si, não sendo muito desenvolvido em termos de acção e história destas personagens. Posso dizer que gostei bastante de o ler e que fico à espera do próximo. São personagens que nos cativam e que acabamos por querer que vençam, mesmo quando parece que é de prever a impossibilidade desse cenário, mas será assim mesmo? E o que acontecerá à irmã e mãe de Jacinda, humanas, se esta deixar o seu draki vencer o seu controlo?Uma saga que promete vir a dar muitas voltas e reviravoltas entre dois mundos aparentemente distintos e coexistentes. Read Less

Comentar

Siga-nos no Facebook
Facebook Pagelike Widget
Últimos Livros Comentados
Tópicos recentes