A Montanha da Água Lilás – Fábula para todas as idades

Autor: Pepetela
Género: Romance
Edição: Ago/2020
Páginas: 160
ISBN: 9789722069823
Editora: Dom Quixote

 

 


Uma fábula para todas as idades, uma reflexão sobre o consumismo e a degradação do meio ambiente.

Numa montanha de África, habitam os lupis, uns estranhos seres cor de laranja que pensam, falam e trabalham, mas não são homens. Um dia, sem que nada o fizesse prever, o lupi-poeta descobre uma fonte de onde brota um líquido de cor lilás com um aroma muito doce, que se revela ter propriedades quase mágicas.

Esta água perfumada cura diversas maleitas e influencia até o humor de quem entra em contacto com ela, e todos a querem. Começam então as disputas, desenvolve-se uma economia de mercado e, com ela, uma estratificação social e uma desigual distribuição da riqueza. Mas, a exploração da água lilás não vai apenas transformar a vida de todos os habitantes da montanha, vai também degradar o seu meio ambiente.
A Montanha da Água Lilás é uma deliciosa alegoria política e social, uma crítica mordaz ao consumismo e à exploração não sustentável dos recursos naturais. Uma fábula para todas as idades que retrata como o que é, inicialmente, benéfico se pode tornar nocivo quando não se tem em vista o bem comum.

Deste autor no Segredo dos Livros:
Jaime Bunda e a Morte do Americano
Sua Excelência, de Corpo Presente
Yaka
A Geração da Utopia
Se o Passado Não Tivesse Asas
A Sul. O Sombreiro
Jaime Bunda – Agente Secreto

Autor – Pepetela

Autor:

Pepetela é o pseudónimo do escritor angolano Artur Carlos Maurício Pestana dos Santos, nascido em Benguela, Angola, em 1941. Frequentou o Ensino Superior em Lisboa, mas acabou por se licenciar em Sociologia, em Argel, durante o exílio. Como membro do MPLA, participou ativamente na governação de Angola, após o 25 de Abril. A partir de 1984, foi professor na Universidade Agostinho Neto, em Luanda. Tem sido dirigente de associações culturais, com destaque para a União de Escritores Angolanos e a Associação Cultural Recreativa Chá de Caxinde.
Da sua obra, destacam-se os romances Mayombe (Prémio Nacional de Literatura de Angola), Yaka e O Cão e os Caluandas. Em 1997 foi-lhe atribuído o Prémio Camões.

0 comentários
0 likes
Anterior: Conjugação de MapasSeguinte: Eu Sou uma Acompanhante de Luxo

Comentar

Siga-nos no Facebook
Facebook Pagelike Widget
Últimos Livros Comentados
Tópicos recentes