A Última Criada de Salazar

FaceBook  Twitter  

 

 

 

Autor: Miguel Carvalho
Edição: Mai/2013
Páginas: 272
ISBN: 9789897410314
Editora: Oficina do Livro

 

 


A vida doméstica e os dias do fim

Em 1969, prestes a completar 14 anos, Rosália Araújo foi contratada para servir António de Oliveira Salazar. Durante anos, conheceu a vida doméstica do palacete de São Bento, liderada pela severa dona Maria, e o lado mais privado do Presidente do Conselho, com os seus hábitos, gostos, desgostos e segredos.

No momento da sua morte, em 1970 foi a única empregada presente no quarto do ditador.
A Última Criada de Salazar é o relato minucioso da decadência e dos dias do fim do homem que alcançou o poder em 1932 e só o perdeu três décadas mais tarde.

Autor:

Miguel Carvalho nasceu no Porto a 25 de Novembro de 1970 e é Grande Reporter da revista Visão desde dezembro de 1999. Em 1989, concluiu o Curso de Radiojornalismo do Centro de Formação de Jornalistas do Porto. Desde aí, trabalhou no Diário de Notícias e no semanário O Independente. Recebeu o Prémio Orlando Gonçalves (Jornalismo), em 2008, e o Grande Prémio Gazeta, do Clube dos Jornalistas , em 2009.
Publicou os livros Álvaro Cunhal - Íntimo e Pessoal, Dentada em Orelha de Cão, Aqui na Terra e Lúcio Feiteira - A Histórias Desconhecida. Tem vários textos jornalísticos e literários dispersos por obras e publicações nacionais e estrangeiras. Alguns dos seus trabalhos têm merecido referência em títulos como The New York Times, El País, Daily Telegraph, Veja ou O Globo.

Comentários  

 
#3 Cristina Delgado 2013-07-20 19:39
Um bom livro para se ler e intercalar com os romances... Escrita fluída, histórias interessantes sobre a vida do ditador que governou o nosso país. Aspectos familiares desconhecidos, se calhar por muitos de nós.

Confesso que esperava algo um pouco diferente. Pareceu-me que o título dava a entender algo que não se verificou...
 
 
#2 Maria João 2013-06-30 22:29
Acho que, ultimamente, andam a escrever-se livros muito interessantes em Portugal. Este é um deles.
Não sendo um romance, conseguiu cativar-me pelo seu lado histórico.
Achei aquela frase de que viveu com Salazar os últimos anos da sua vida, um pouco irreal, pois ela foi para casa durante algum tempo, não tendo estado os cinco anos consecutivos.
Mas, tirando isso, gostei. Traz uma lufada de ar fresco acerca do Estado Novo e do ditador.
 
 
#1 Sónia 2013-05-28 18:30
Com base num extenso rol bibliográfico, Miguel Carvalho dá a conhecer os últimos anos de António de Oliveira Salazar, figura controversa do imaginário político português. Consegue-o através de factos conhecidos, conjugados com os vários depoimentos de Rosália Araújo, que viveu bem de perto os últimos cinco anos da vida do Senhor Doutor. Foi a única pessoa presente no quarto de Salazar na altura da sua morte, por exemplo.

Para mim, este livro foi uma autêntica surpresa. Além de ser escrito num tom absolutamente imparcial, revela-nos o lado desconhecido e humano de quem a História votou a um lugar menos apreciado. Isso é conseguido, por exemplo, na preocupação que Salazar manifestava pelo bem estar das funcionárias, assim como a sua firme recusa em gastar dinheiros estatais em algo comezinho e para proveito próprio. Falo do aquecimento do seu gabinete (o senhor era muito friorento), entre outras coisas. Há também lugar para a abordagem a uma série de conluios, intrigas e traições de bastidor que apressaram o fim iminente...

Um livro extremamente prazeroso, que dá gosto ler e que permite uma reflexão/compar ação entre o antes e o agora, no que à forma de estar na vida e na política diz respeito. Eu própria mudei a ideia que tinha e, por influência materna e através de livros de outro autor, nunca o consegui... "Vi" ali muita coisa que daria gosto observar na situação actual. É ler para crer e reflectir naquilo que eu considero ser a reconciliação (?) com um passado não muito distante.

Resumindo este livro numa frase, de Joaquim Vieira, e que consta na obra...

A História está repleta de líderes políticos cuja vida privada não teve qualquer correspondência com o seu estilo de governação.
 

Tem de iniciar sessão para submeter o seu comentário.

Últimas Opiniões

  • A Ilustre Casa de Ramires
    NOTA: Este comentário contém spoilers (*** não leia se pretender ainda ler o livro ***) Após 2 ou ...
  • 28.06.2020 09:42
  • Imortal (José Rodrigues dos Santos)
    Acabei (finalmente) de ler o mais recente livro de José Rodrigues dos Santos - Imortal que trata de um ...
  • 01.06.2020 23:30
  • O Túmulo do Mestre
    Ótimo livro para se ler num fim de semana! Li-o em duas tardes. Os capítulos não são grandes, pelo ...
  • 19.04.2020 19:03

Últimos Tópicos

    • Frecha Trailer
    • [image] Frecha, Teresa Durães, e-book gratuito para download na loja kobo.com
    • há 3 semanas 5 dias
    • Há procura de opiniões
    • Boms dias a todos, Envio um inicio de livro que para aqui tenho já há talvez...
    • há 1 mês 2 semanas
    • o final tem um ritual
    • O meu ritual é uma tortura, mas pra um TOC. Eu tenho que ler o final várias e...
    • há 1 mês 3 semanas
    • Frecha
    • - Frecha, toda a magia tem um preço, sabes disso. Tens a certeza que queres...
    • há 3 meses 6 dias

Uma Pequena Palavra...

"Escrever um romance é um strip-tease invertido e todos os romancistas são exibicionistas discretos." Mario Vargas Llosa