Até que o Rio nos Separe

 

 

 

Autor: Charles Martin
Edição: 2009
Páginas: 392
ISBN: 9789720041777
Editora: Porto Editora

 

 

Doss Michaels nasceu e cresceu num parque de caravanas junto ao rio St. Mary e tenta sobreviver como pintor. Abigail Coleman é a única e lindíssima filha do mais poderoso senador da Carolina do Sul. Um único encontro foi suficiente para perceberem que ficariam juntos para sempre.

Após dez anos de casamento, Abbie debate-se com uma doença terminal. Sempre a seu lado, Doss trava com ela uma terrível batalha pela vida.
Quando Abbie elabora uma lista de dez coisas que gostava de fazer antes de morrer, Doss tudo faz para a ajudar a concretizar os seus desejos.
E, antes que seja tarde de mais, partem juntos para a viagem das suas vidas.

Leia aqui um excerto do livro

Críticas de imprensa:
As fãs de Nicholas Sparks vão adorar Até Que o Rio Nos Separe, uma história de amor destemido e promessas cumpridas durante uma doença terminal. Amazon
Uma intensa história de amor verdadeiro. OK Magazine
Um romance comovente… Tem de ser lido… Prepare os lenços! Bella

Autor – Charles Martin

Autor:

Charles Martin licenciou-se em Literatura Inglesa na Florida State University. Tem um mestrado em Jornalismo e um doutoramento em Comunicação pela Regent University. Foi professor no Departamento de Inglês, na Hampton University. Em 1999, dedicou-se exclusivamente à escrita.
É autor bestseller do New York Times. Água do meu coração é o seu 11.º romance e as suas obras estão traduzidas em 17 línguas.
Vive com a mulher, Christy, e os seus três filhos, Charlie, John T. e Rives, a poucos passos de distância do St. John’s River, em Jacksonville, Florida.

4 comentários
1 like
Anterior: Antes Que Seja TardeSeguinte: Workshop Gratuíto com o autor do livro “O Seu Primeiro Milhão”Workshop Gratuíto com o autor do livro “O Seu Primeiro Milhão”

Comentários

  • veronica silva

    Dezembro 11, 2010 às 18:54
    Responder

    Este é um livro perturbador. Conta a história de Doss, um pintor, que decide realizar os últimos desejos da sua mulher, que tem um cancro em fase terminal, ao qual pode sucumbir a qualquer momento. É um relato intenso e triste de quem vê o cancro do lado de fora, de quem assiste e não pode fazer nada. Chega a ser angustiante estar a ler os relatos de tudo aquilo por que Abbie tem de passar: a descoberta, as hipóteses, os tratamentos e, por fim, o empenho de Doss para a fazer feliz nos seus dias finais.Não é livro que […] Ler Mais...Este é um livro perturbador. Conta a história de Doss, um pintor, que decide realizar os últimos desejos da sua mulher, que tem um cancro em fase terminal, ao qual pode sucumbir a qualquer momento. É um relato intenso e triste de quem vê o cancro do lado de fora, de quem assiste e não pode fazer nada. Chega a ser angustiante estar a ler os relatos de tudo aquilo por que Abbie tem de passar: a descoberta, as hipóteses, os tratamentos e, por fim, o empenho de Doss para a fazer feliz nos seus dias finais.Não é livro que aconselhe a quem vive este drama, porque a mim levou-me facilmente às lágrimas, principalmente após a morte de Abbie e das percepções de Doss após o falecimento da mulher. Charles Martin é, sem dúvida, um grande escritor, capaz de cativar e envolver o leitor e puxar facilmente pelas nossas emoções. Gostei, apesar de preferir o seu livro "A montanha entre nós". Read Less

  • Vera Mouta

    Agosto 22, 2009 às 20:26
    Responder

    Este livro é muito bonito e tocante, visto que retrata o drama do cancro e o sofrimento de quem tem e das pessoas que a rodeiam.Acho que têm razão quando comparam com o Nicholas Sparks...penso que será devido ao drama da história e da relação entre o Doss e a Abbie. Um amor incondicional e a toda a prova.Há partes que nos fazem pensar, outras rir e ainda outras que nos fazem chorar....

  • Ana

    Agosto 15, 2009 às 1:52
    Responder

    Um livro muito tocante .Um amor sem limites.Embora, trate um assunto muito delicado, como o cancro, foi lindo de ler, de sentir aquele amor do Doss pela Abbie. Um livro que todos os homens deviam de ler!Charles Martins tem uma escrita transparente, leve, mas ao mesmo tempo, sentida, sofrida, realista.Recomendo-o!!!

  • Mariana

    Julho 15, 2009 às 19:33
    Responder

    A leitura deste livro é uma mistura de emoções.É gratificante saber que existe um AMOR incondiconal, que ultrapassa todas as adversidades, mas por outro lado, o drama de uma doença terminal, deixa-nos, psicologicamente, muito fragilizados, pelo flagelo que sabemos que atinge muitas vezes pessoas da nossa familia, ou que nos são próximas.O autor soube descrever o quotidiano das pessoas atingidas por esta doença com um realismo que só quem conviveu de perto com este drama reconhece.Apesar de muito impressionante, gostei do livro.

Comentar

Siga-nos no Facebook
Facebook Pagelike Widget
Últimos Livros Comentados
Tópicos recentes