Na Prática a Teoria É Outra

FaceBook  Twitter  

 

 

Autor: Victor Cunha Rego
Género: Crónicas
Edição: Fev/2018
Páginas: 864
ISBN: 9789722043625
Editora: Dom Quixote

 

 


Crónicas de um dos vultos da cultura portuguesa do século XX português, reunidos pela primeira vez num só volume.
Este volume reúne os escritos de Victor Cunha Rego: os textos reunidos no volume Liberdade do qual consta o essencial da sua vasta colaboração na imprensa brasileira (1958-73), as crónicas Os Dias do Amanhã, publicadas diariamente, a partir de 1991 no Diário de Notícias, e o período intermédio durante o qual ele exerceu considerável papel na conquista, por vezes a pulso, de uma efetiva liberdade de imprensa,

primeiro como diretor do estatizado Diário de Notícias e depois como fundador, inspirador e diretor de A Tarde e, sobretudo, do Semanário, durante oito anos decisivos, entre a lenta ressaca do PREC, a segunda revisão constitucional de 1989 e a iminente entrada na CEE, em 1992.

Autor:

Victor Cunha Rego (Oeiras, 1933 – Lisboa, 2000), licenciado em Direito pela Universidade de Grenoble, foi um jornalista e diplomata português. Antes de partir para o Brasil, viagem motivada pela censura do Estado Novo, trabalhou na redação do Diário Ilustrado. Já no Brasil, trabalhou em jornais como O Estado de S. Paulo, Última Hora e no Folha de S. Paulo. Não se ficou neste país exilando-se, após a instalação da ditadura brasileira, na Argélia, na Jugoslávia e em Itália. Regressa a Portugal após o 25 de Abril.

Tem de iniciar sessão para submeter o seu comentário.

Últimas Opiniões

  • A Ilustre Casa de Ramires
    NOTA: Este comentário contém spoilers (*** não leia se pretender ainda ler o livro ***) Após 2 ou ...
  • 28.06.2020 09:42
  • Imortal (José Rodrigues dos Santos)
    Acabei (finalmente) de ler o mais recente livro de José Rodrigues dos Santos - Imortal que trata de um ...
  • 01.06.2020 23:30
  • O Túmulo do Mestre
    Ótimo livro para se ler num fim de semana! Li-o em duas tardes. Os capítulos não são grandes, pelo ...
  • 19.04.2020 19:03

Últimos Tópicos

Uma Pequena Palavra...

"Árvores são poemas que a terra escreve para o céu. Nós as derrubamos e as transformamos em papel para registar todo o nosso vazio."
Khalil Gibran