Narrativas dos Livros de Linhagens

Autor: José Mattoso
Género: História de Portugal
Edição: Fev/2020
Páginas: 176
ISBN: 9789896446093
Editora: Temas e Debates

 

 

 

História e fantasia combinam-se nos trechos narrativos inseridos nos livros de linhagens medievais, que celebravam feitos memoráveis, quer para os descendentes de heróis quer para a classe nobre em geral.
As narrativas dos livros de linhagens, agrupadas neste livro pela origem geográfica das tradições familiares que representam – castelhanas, galegas e portuguesas -, são simples narrativas, trechos curtos transmitidos juntamente com outras tradições familiares.

Podendo revestir a forma de contos (como na Dama do «Pé de Cabra»), de anedotas baseadas em episódios burlescos (como o duelo de Simão Curutelo), de «exemplos» (como o do alcaide de Celorico), de «memórias» (como as dos combates de Martim Sanches e do conde de Barcelos), de crenças míticas (como as da origem dos Velosos) ou de acontecimentos dramáticos (como o de Fernão Rodrigues de Castro), representam não só o ponto de vista do narrador que desejava exaltar os feitos dos seus antepassados, mas pretendiam também identificar membros de linhagens rivais.
Destaques do conteúdo da obra:
Adaptações de obras anteriores, como As filhas do rei Lear; O nascimento do rei Artur; Mordech e o rei Artur; Cid, o Campeador; D. Afonso Henriques
Tradições familiares castelhanas, como A Dama do Pé de Cabra; Infantes de Lara; A origem dos Velosos
Tradições familiares galegas, como Dona Marinha; Pero Novais; Martim Sanches
Tradições familiares portuguesas, como O rei Ramiro; Fernão Mendes de Bragança e a infanta: D. Dinis, rei de Portugal; D. Pedro, conde de Barcelos; O rapto de Maria Pais Ribeira; A traição de Mem Cravo; O alcaide de Celorico
As ficções do refundidor de 1380, como Soeiro Mendes da Maia; D. Pedro I, rei de Castela; Gonçalo Mendes da Maia, o Lidador; O arcebispo D. Gonçalo Pereira; Álvaro Gonçalves Pereira, prior do Hospital, e a batalha do Salado

Deste autor no Segredo dos Livros:
A Escrita da História
História da Vida Privada em Portugal (Diretor)

Autor – José Mattoso

Autor:

José Mattoso, nascido em 1933, é historiador especializado na história das ordens religiosas e da aristocracia nos séculos X a XIII. Autor da obra Identificação de um país (1985), e de várias coletâneas de estudos medievais, entre as quais A nobreza medieval portuguesa (1982), O reino dos mortos na Idade Média (1996), Naquele tempo (2009) e ainda D. Afonso Henriques (2006). Estes e outros estudos foram reunidos nas suas Obras Completas, editadas pelo Círculo de Leitores em 2001-2002. Dirigiu várias obras coletivas (História de Portugal, 1993-1994; História da vida privada em Portugal, 2010-2011; Património de origem portuguesa no mundo, 2010). Recebeu o Prémio Alfredo Pimenta em 1985 e o Prémio Pessoa em 1987. Foi diretor da Torre do Tombo entre 1996 e 1998. Entre 2000 e 2005 colaborou com o Arquivo Mário Soares na recuperação dos arquivos de Timor-Leste, o que lhe permitiu escrever o livro A Dignidade. Konis Santana e a resistência timorense (2005). Em 2012, publicou Levantar o Céu – Os labirintos da sabedoria. Foi distinguido com o Prémio Árvore da Vida – Padre Manuel Antunes em 2019.

0 comentários
0 likes
Anterior: Eu, CláudioSeguinte: Visitas ao Poder

Comentar

Siga-nos no Facebook
Facebook Pagelike Widget
Últimos Livros Comentados
Tópicos recentes