O rio de Esmeralda

FaceBook  Twitter  

 

 

Autor: José Rodrigues
Fotografia: Sara Augusto
Género: Romance
Edição: Ago/2017
Páginas: 250
ISBN: 9789897661389
Editora: Coolbooks

 

 


«O tempo não apaga tudo, sobretudo quando no tudo está incluído um grande amor.»

Esmeralda e António viveram, em jovens, um amor profundo, bruscamente interrompido quando Esmeralda se vê forçada a abandonar a aldeia onde ambos viviam. Os jovens prosseguiram, entretanto, as suas vidas, felizes com o que o destino lhes proporcionou.
Quando ambos estão já na idade madura, a inauguração de um empreendimento turístico na aldeia é o pretexto ideal para o reencontro há muito desejado.

Sentimentos há muito esquecidos voltam à superfície, mais fortes do que nunca, e o que antes era desvio parece ser agora o melhor dos caminhos. Entre a doçura da memória e a realidade do presente, a escolha nem sempre é linear…

Nota: Os livros da Coolbooks são vendidos em wook.pt ou bertrand.pt (em formato físico e digital).

Autor:

José Rodrigues, com formação superior na área da gestão e carreira como consultor empresarial e formador, é sócio fundador da Visar, onde desenvolve toda a sua atividade profissional, em especial na área dos seguros.
A família e os amigos, o karaté e o futebol veterano, complementam o enorme gosto pela escrita.

Autora:

Sara Augusto é professora universitária e investigadora na área de Literatura Portuguesa e Literaturas Lusófonas, na Universidade Católica Portuguesa e na Universidade de Coimbra. Doutorada em Literatura Portuguesa. Fotógrafa formada no Instituto Português de Fotografia do Porto, com trabalhos desenvolvidos no campo da fotografia documental.

Tem de iniciar sessão para submeter o seu comentário.

Últimas Opiniões

  • Xogum - O Senhor do Japão
    Há dois anos, por estes dias, estava eu a comentar "O Samurai Negro", 1º volume desta trilogia. Muitos ...
  • 14.06.2018 20:50
  • Na Memória dos Rouxinóis
    Há alguns dias, alguém se insurgia, numa resposta a um comentário no Facebook, contra a moda dos ...
  • 08.04.2018 22:26
  • A Febre das Almas Sensíveis
    "A Febre das Almas Sensíveis" é um romance histórico escrito de uma forma bastante diferente daquilo ...
  • 11.03.2018 20:01

Últimos Tópicos

    • 16 de julho
    • Sou a Joana e faço anos a 16 de julho. Sou caranguejo...
    • há 2 meses 4 semanas

Uma Pequena Palavra...

"Não ler, pensei, era como fechar os olhos, fechar os ouvidos, perder sentidos. As pessoas que não liam não tinham sentidos. Andavam como sem ver, sem ouvir, sem falar."
Valter Hugo Mãe in Desumanização