A Geografia do Infante D. Henrique

 

 

Autor: Joaquim Ferreira do Amaral
Género: História de Portugal
Edição: Jun/2019
Páginas: 520
ISBN: 9789896445430
Editora: Temas e Debates

 

 


As razões que levaram o infante D. Henrique a conduzir com invulgar tenacidade um projeto tão exigente e tão prolongado como foi o dos chamados «descobrimentos» é uma questão que ainda hoje merece análise.
Este projeto não constituiu um mero episódio fugaz, que tenha aparecido e logo depois desaparecido sem consequências permanentes. Pelo contrário, os descobrimentos deram origem a uma modificação radical da História da Humanidade, que se prolonga até aos nossos dias.

Continuar...

Diário de um Carbonário

 

 

Autor: Mário Silva Carvalho
Género: Romance histórico
Edição: Jun/2019
Páginas: 352
ISBN: 9789897731600
Editora: Saída de Emergência

 

 

Testemunho de um dos momentos mais violentos e importantes da História de Portugal.
Carbonária: Sociedade sinistra e cruel para uns. Sonho de liberdade para outros. Mas onde estará a verdade, no meio de tanto sangue e segredos?
Em 1907, o jovem Constantino da Silva chega a Lisboa. Fugira de Coimbra devido a uma zaragata em que atacou um miguelista para proteger um grupo de estudantes republicanos. O deslumbre com a capital, tão maior e mais sofisticada do que o resto do país, logo é substituído pela realidade: Lisboa é uma cidade pobre, esfaimada e onde o conflito entre monárquicos e republicanos deixa feridos e mortos nas ruas.

Continuar...

Pode Portugal Ter Uma Estratégia?

 

 

Autor: Bruno Cardoso Reis
Género: História contemporânea
Edição: Jun/2019
Páginas: 120
ISBN: 9789898943422
Editora: Fundação Francisco Manuel dos Santos

 

 


É uma evidência: por ser limitado em gente e recursos, Portugal dependeu sempre das relações com o exterior. Daí que seja importante questionar se, ao longo da história, temos seguido a estratégia mais eficaz para garantirmos uma boa inserção num mundo incerto.
O presente ensaio aponta para um problema central na cultura estratégica portuguesa, que é a aversão ao planeamento sistemático. Falta-nos capacidade de análise, planificação e coordenação do conjunto dos meios do Estado para antecipar ou responder a ataques, crises, emergências.

Continuar...

A Europa Não É Um País Estrangeiro

 

 

Autor: José Tavares
Género: História da Europa
Edição: Jun/2019
Páginas: 128
ISBN: 9789898943699
Editora: Fundação Francisco Manuel dos Santos

 

 


A Europa Não É Um País Estrangeiro
é uma abordagem original e coerente às várias declinações da ideia de Europa. Trata-se de uma viagem pelos símbolos, palavras, factos e memórias imperfeitas do continente, desde as suas fronteiras e geografia, história e conflitos, até à liberdade, prosperidade, imperialismo e imagem do "outro", passando pela sua curiosa relação com a sua mais óbvia descendência, os Estados Unidos da América.

Continuar...

Lenguluka - Crónica de um amor a grande velocidade

 

 

Autor: Onofre dos Santos
Género: Romance
Edição: Jun/2019
Páginas: 128
ISBN: 9789897024788
Editora: Guerra & Paz

 

 


Num futuro imaginário, milhões de pessoas oriundas das ex-colónias vivem em Portugal. Organizadas em comunidades étnicas autónomas, com dirigentes próprios, fazem de Lisboa e da outra margem um mundo agitado, de cheiros e cores multiculturais, quase um Blade Runner português.
A convivência é pacífica, mas os velhos ressentimentos coloniais surgem ao menor percalço. Eis que Nelson Cangombe, jovem angolano, vê a namorada, Teresinha, de origem cabo-verdiana, trocá-lo por Tomás Silveira, professor português.

Continuar...

Últimas Opiniões

  • Crash
    Depois de ter lido "Arranha-Céus" de J. G. Ballard, um romance que me deixou a pensar seriamente nos ...
  • 10.07.2019 22:32
  • Amantes de Buenos Aires
    Amantes de Buenos Aires, o novo romance de Alberto S. Santos, baseia-se numa história real e segue a ...
  • 08.07.2019 16:24
  • 25 de Abril, Corte e Costura
    Este livro é exatamente o que eu esperava dele: uma sucessão de quadros em que se ridiculariza a ...
  • 28.04.2019 21:03

Últimos Tópicos

Uma Pequena Palavra...

"O Homem e o escritor são a mesma pessoa. Mas este facto constitui a maior descoberta de um escritor. Precisei de muito tempo - e de quantas páginas escritas! - para chegar a essa síntese."
V.S.Naipaul, in O Enigma da Chegada.