A Porta dos Infernos

 
Autor: Laurent Gaudé
Páginas: 240
Editora: Porto Editora

A narrativa começa em 1982 quando, a caminho da escola, levado pela mão do pai, Pippo é atingido por uma bala perdida no meio de uma refrega das máfias de Nápoles. Matteo e Giuliana, os pais, passam a viver obcecados pela vingança – mas Matteo não consegue a coragem necessária para abater Cullaccio, o responsável pela morte do seu filho.

Continuar...

O Mundo Invisível


Autora: Shamim Sarif
Páginas: 272
Tradução: Tânia Ganho
Editora: Contraponto

África do Sul. 1950. As primeiras leis raciais do apartheid começam a ser implementadas. Amina é uma jovem de espírito livre que desafiou as convenções da comunidade indiana em que cresceu e decidiu trabalhar por conta própria. É dona de um café, um sítio cheio de boa disposição, música, comida caseira… e mistura de raças.

Continuar...

A Pedra Abençoada


Autora: Barbara Wood
Páginas: 456
Tradução: Irene Guimarães
Editora: Contraponto

Leia aqui um excerto do livro

«A Pedra Abençoada nasceu para lá das estrelas, há inúmeros anos-luz. Teve origem numa explosão cataclísmica de proporções estelares que inundou o espaço de fragmentos cósmicos. Tal como um navio brilhante, o pedaço ardente de massa celeste navegou através do mar sideral, rugindo e sibilando pela noite escura, enquanto se lançava para a sua destruição inevitável num planeta jovem e selvagem.»

Continuar...

Jesus

 

 

 

 

Autor: Deepak Chopra
Páginas: 248
Tradução: Margarida Pacheco
Editora: Pergaminho

 


Chopra, um dos autores de maior renome na área do desenvolvimento pessoal e da espiritualidade, apresenta uma visão inovadora da vida de Jesus neste romance surpreendente, inspirador e cativante. Concentrando-se nos «anos perdidos» da vida de Jesus, que não são descritos no Novo Testamento, o autor recria o caminho da sua iluminação, elaborando um retrato poderoso de um homem complexo, dividido e atormentado pela força do destino.

Continuar...

Estou pelos Cabelos


Autora: Katharina Münk
Páginas: 208
Tradução: Fátima Freire Andrade
Editora: Gestãoplus

É verdade, chegou a hora de todas as revelações!
Nos últimos tempos, têm-se tornado bem conhecidos os excessos financeiros de alguns directores de empresa; mas ninguém conhece tão bem as suas histórias quanto as mulheres que reservam os seus hotéis e viagens, que justificam os seus atrasos, que inventam desculpas para as suas faltas, que compram presentes de anos para os seus colegas e para a sua família, que lhes vão buscar o cafezinho, que lhes lembram das obrigações, que lhes organizam as vidas… as suas incansáveis secretárias!

Continuar...

Últimas Opiniões

  • Imortal (José Rodrigues dos Santos)
    Compro e leio os livros de José Rodrigues dos Santos que considero de ficção científica, porque gosto ...
  • 15.11.2019 22:00
  • Autópsia
    Lê-se na contrapaca deste livro que se trata de "uma arrepiante distopia, retrato de uma humanidade náufraga".
  • 21.10.2019 22:21
  • A Recriação do Mundo
    Não é segredo que a Alemanha e a URSS correram contra o tempo e contra os Estados Unidos da América para ...
  • 22.09.2019 13:21

Últimos Tópicos

Uma Pequena Palavra...

"Algumas obras morrem porque nada valem; estas, por morrerem logo, são natimortas. Outras têm o dia breve que lhes confere a sua expressão de um estado de espírito passageiro ou de uma moda da sociedade; morrem na infância. Outras, de maior escopo, coexistem com uma época inteira do país, em cuja língua foram escritas, e, passada essa época, elas também passam; morrem na puberdade da fama e não alcançam mais do que a adolescência na vida perene da glória. Outras ainda, como exprimem coisas fundamentais da mentalidade do seu país, ou da civilização, a que ele pertence, duram tanto quanto dura aquela civilização; essas alcançam a idade adulta da glória universal. Mas outras duram além da civilização, cujos sentimentos expressam. Essas atingem aquela maturidade de vida que é tão mortal como os Deuses, que começam mas não acabam, como acontece com o Tempo."
Fernando Pessoa, in Heróstrato