Resistir ao Amor

FaceBook  Twitter  

 

 

 

 

Autora: Jill Mansell
Edição: Jul/2010
Páginas: 336
Editora: Chá das Cinco

 

Orla Hart, a famosa autora de bestsellers românticos, decide transformar Millie, a sua melhor amiga, na heroína do próximo livro. Millie duvida que a sua vida aborrecida possa inspirar uma história interessante, mas Orla pensou em tudo: sem a amiga saber, vai fazer o possível para lhe apimentar a vida. É que toda a gente em Ashcombe sabe o que aconteceu há onze anos, e a mãe de Maddy prefere destruir todos os McKinnon com as próprias mãos a permitir que a filha namore com um deles. Maddy sabe que deve resistir ao amor, mas que culpa tem ela que o seu príncipe encantado seja um fantasma do passado?

A história de Romeu e Julieta renasce com o charme e o delicioso sentido de humor que só Jill Mansell possui.

Outras obras da autora no Segredo dos Livros:
A Felicidade Mora ao Lado
A Pensar em Ti
Doce Vingança
Irresistível Tentação
Uma Oferta Irrecusável

Leia a entrevista exclusiva da autora ao Segredo dos Livros.

Autora:

Jill Mansell vive com o seu companheiro e os seus filhos em Bristol e é escritora a tempo inteiro. Bem... isso não é inteiramente verdade: ela vê televisão, gosta de comer fruta, admira os jogadores de rugby que treinam no campo desportivo atrás da sua casa, e passa horas na internet maravilhada com o facto de tantos escritores terem blogues. Com uma vida movimentada, só quando é obrigada a ficar em casa é que de facto escreve. Os seus livros são já bestsellers e já venderam mais de três milhões de cópias.

Saiba mais sobre a autora em www.jillmansell.co.uk

Comentários  

 
#7 Júlia 2010-11-16 23:19
Já li praticamente todos os livros editados por cá desta autora e este é o melhor livro dela, pelo que o recomendo sem reservas. Romântico dos pés à cabeça!!!

Ashcombe é uma pequena vila, onde todos se conhecem, onde uma notícia quer boa ou má circula à velocidade da luz. Uma vila onde as pessoas se ajudam sem olhar a quem. Cheia de personagens normais, com empregos normais, que podiam ser muito bem nossos vizinhos, onde não consigo identificar a personagem principal, porque todos têm um papel ao mesmo nível.

Não deixem de ler!
 
 
#6 Inês Santos 2010-10-20 21:56
Macroscopicamen te, ou seja, externamente, a capa e a sinopse foram bastante atractivas para a compra do respectivo livro. Tanto as cores atractivas, o rosto da modelo, as folhas num plano aparentemente mais aproximado, contribuíram, juntamente com a adaptação de um romance histórico e eterno, para o adquirir.
Microscopicamente, ou seja, a nível de história, escrita e personagens, devo afirmar que houve um pouco de desilusão, principalmente relativamente à história, desenvolvimento das personagens e descrição de cenas. No geral, todo o livro retrata uma pequena cidade (vila?) onde vivem e visitam várias personagens, incluindo vários casais. O que na minha opinião falhou, foi que a autora desenvolveu demasiado as personagens secundárias, tornando-as quase principais (ou principais cada uma à sua maneira) e desvalorizou as personagens referidas na sinopse (já não lhes chamo principais, pois defendo que perderam esse estatuto no fim do primeiro terço do livro).
Para romance, auto-denominado por ser ao estilo de Romeu e Julieta, o fim foi muito incompleto e sem qualquer surpresa, já que os três últimos capítulos são indicativos do que se irá suceder.
A nível das cenas, acção por assim dizer, Jill Mansell poderia ter desenvolvido muito mais, já que por vezes muita coisa acontece numa só pagina, impossibilitand o o leitor de se inteirar e emocionar com o que se passa (que está a ler).
Em relação às personagens, mais pormenorizadame nte, gostei da personalidade de todas. Mesmo as que têm algo mau e que nos irrita, fazem com que nos agarremos mais à historia e a sigamos com mais intensidade. A relação entre elas, não só entre casais, também está bastante bem conseguida - principalmente, a de Marcella com os seus enteados e a relação entre Sophia e Tiff.
A atitude da vilã, no final (não vou dizer qual é claro), tornou-se um pouco incompreensível para mim, já que a escritora criou um final feliz para todas as outras, mas para esta, que nos faz odiá-la desde que a conhecemos, apesar da situação dela, não houve qualquer fim, nunca chegamos a saber o que de facto lhe aconteceu. Claro que todos lhe vamos desejar o mesmo!
Em relação à escrita está muito simples, mais dirigida para a faixa etária mais jovem.

De qualquer das formas, no final o saldo foi positivo, mas será um livro que nunca irei reler.
 
 
#5 Ana 2010-10-02 11:10
Quem conhece Jill Mansell sabe que esta autora conta as histórias de uma forma extremamente leve e com humor.
Neste livro, temos a história de Maddy, que numa noite conhece o seu príncipe encantado, mas esse príncipe é filho da família inimiga de que a mãe de Maddy não pode ouvir nem falar.
O que eu mais gosto nos livros desta autora é o facto de estes não se centrarem apenas numa personagem, mas darem um pouco de história de todas as personagens.
Os livros de Jill são muito humorísticos, extremamente engraçados, leituras leves e doces como um bombom!
Gostei imenso deste livro!!!
 
 
#4 Vera Mouta 2010-09-15 22:30
Eu já li vários livros desta escritora e gostei deles.
Acho que a fórmula dos livros dela é baseada no humor, em situações caricatas e divertidas entre várias personagens e, no fundo, através deste humor, passar uma mensagem importante. E este livro não escapa a isso.

Aqui é-nos contada a história de várias personagens que se interligam entre si e que, ao longo do livro, vão evoluindo e, por fim, alcançam os seus objectivos. Tem muito humor à mistura e situações se calhar um pouco tontas demais.

Neste livro, particularmente , acho que é transmitida a mensagem de família, os valores que temos e que as coisas que na nossa adolescência vimos como supérfluas ou insignificantes , têm um impacto muito profundo na nossa vida futura.
E, sinceramente, por muito que erremos, há que saber perdoar e saber pedir perdão.
 
 
#3 Claudia Ferreira 2010-09-05 23:22
Adorei o livro e aconselho-o aos amantes de Romance!
Foi o primeiro livro que li desta autora e faço questão de continuar a ler livros dela!
É um facto que a história é previsível, mas é uma história divertidíssima e repleta de clichés, à qual a escritora tem o dom de nos prender!
Boas leituras!
 

Tem de iniciar sessão para submeter o seu comentário.

Últimas Opiniões

  • A Ilustre Casa de Ramires
    NOTA: Este comentário contém spoilers (*** não leia se pretender ainda ler o livro ***) Após 2 ou ...
  • 28.06.2020 09:42
  • Imortal (José Rodrigues dos Santos)
    Acabei (finalmente) de ler o mais recente livro de José Rodrigues dos Santos - Imortal que trata de um ...
  • 01.06.2020 23:30
  • O Túmulo do Mestre
    Ótimo livro para se ler num fim de semana! Li-o em duas tardes. Os capítulos não são grandes, pelo ...
  • 19.04.2020 19:03

Últimos Tópicos

Uma Pequena Palavra...

“E desde então decidi que a POESIA é a forma mais curta, mais doce, mais explosiva. Para que escrever um romance se é possível dizer o mesmo em dez linhas?”
Charles Bukowski