Sangue de Portugal

Autor: António da Costa Neves
Género: Romance Histórico
Edição: Jan/2019
Páginas: 512
ISBN: 9789897731419
Editora: Saída de Emergência

 

 

De um lado os absolutistas de D. Miguel. Do outro, os liberais de D. Pedro. Pelo meio, um país mergulhado numa longa e sanguinária guerra civil.
Em 1828 teve início um dos conflitos mais sanguinários da História de Portugal. Opondo os absolutistas de D. Miguel aos liberais de D. Pedro, esta guerra civil arrastou-se por seis anos e dividiu o país, virando pais contra filhos e irmãos contra irmãos.

Sangue de Portugal é uma saga complexa e vibrante que acompanha o percurso sinuoso de Carlos Boavida, um jovem liberal que aspira a um Portugal mais moderno, e cujos companheiros de batalha incluem nomes como Almeida Garrett e Alexandre Herculano. No campo oposto acompanha uma galeria impressionante de miguelistas, como o capitão-mor Tomás Alcaide, homem de ambição desmedida e crueldade ímpar.
António da Costa Neves oferece-nos um verdadeiro épico sobre a História de Portugal, onde vivemos todos os momentos fulcrais da guerra e seguimos muitas outras personagens extraídas do povo miserável, da aristocracia corrupta e da poderosa burguesia, enquanto enfrentam os problemas próprios da sua condição e da realidade de um Portugal dividido, falido e em guerra.

Deste autor no Segredo dos Livros:
O Implacável Cerco de Almada
O Amor nos Anos de Chumbo (sob o pseudónimo E.S.Tagino)

Autor – António da Costa Neves

Autor:

António da Costa Neves é licenciado em História, pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, tendo, durante anos, publicado, regularmente, poesia em diversos jornais e revistas.
Em 2006, o seu primeiro romance, Mataram o Chefe de Posto, sobre a temática da guerra colonial, ganhou o Prémio Literário Cidade de Almada – 2007. Depois disso, o autor já publicou mais sete romances, alguns deles igualmente premiados.
Adamastor, um romance de 2008, foi objeto de ensaio académico e tema de seminário na Universidade de Coimbra, e o romance Mea Culpa! foi selecionado, em 2010, como obra de referência para o Concurso Nacional de Leitura do Ensino Secundário.
No campo da poesia, o autor venceu recentemente o Prémio de Poesia e Ficção de Almada – Poesia 2016, com a obra Trinta Sonetos Triviais.

0 comentários
0 likes
Anterior: A Última CeiaSeguinte: Carlota Joaquina e Leopoldina de Habsburgo – Rainhas de Portugal no Novo Mundo

Comentar

Siga-nos no Facebook
Facebook Pagelike Widget
Últimos Livros Comentados
Tópicos recentes