Transporte no tempo

Autor: Ruy Belo
Género: Poesia
Edição: Set/2017
Páginas: 160
ISBN: 9789723719895
Editora: Assírio & Alvim

 

 

Como nos diz Manaíra Aires Athayde, no prefácio a esta edição, «podemos dizer que Transporte no Tempo desenha a imagem de um poeta que empunha a palavra como uma maneira de procurar com a linguagem contornar o silêncio imposto. Constituindo esse espaço de auto-reflexão como busca da própria ideia de poesia, Ruy Belo não se cansa de afirmar que o poeta é aquele que “ensaia utensílios que, como o avião, transformam a visão do homem”. Assim, só o uso da palavra poética pode tornar compatíveis a autonomia da arte e a ligação ao seu próprio tempo.

A singularidade de Transporte no Tempo está em assinalar o momento em que este princípio central da teoria de Ruy Belo, é, de maneira inequívoca, enunciado na sua poesia: o que acabamos por descobrir, com este livro, porventura mais do que em outros, é que “aqui levantam voo não / os aviões mas estas certas aves de arribação”.»

Autor – Ruy Belo

Autor:

Ruy Belo é doutorado em Direito Canónico pela Universidade de S. Tomás de Aquino, em Roma, e licenciado em Filologia Românica e em Direito pela Universidade de Lisboa. Lecionou no ensino secundário e foi leitor de Português na Universidade de Madrid. Foi diretor literário de uma editora; chefe de redação da revista Rumo; adjunto do Diretor do Serviço de Escolha de Livros do Ministério da Educação Nacional; bolseiro de investigação da Fundação Calouste Gulbenkian; tradutor de numerosos autores franceses e colaborador em várias publicações periódicas. Vítima de um edema pulmonar, a sua morte precoce, em 1978, colheu de surpresa uma série de escritores que lhe dedicaram, no mesmo ano, uma Homenagem a Ruy Belo.
Iniciada em 1961, a poesia de Ruy Belo manteve-se, na confluência da poesia dos anos 50, equidistante quer de um dogmatismo neorrealista quer do excesso surrealista, mas incorporando aquisições dessas duas formas de comunicação estética, abarcando a crítica irónica da realidade social e a denúncia das diversas problemáticas que equacionam o homem, desde a sua vivência espiritual e religiosa até ao envolvimento concreto e existencial.

0 comentários
0 likes
Anterior: A porta e outras ficçõesSeguinte: Mike Tyson para Principiantes

Comentar

Siga-nos no Facebook
Facebook Pagelike Widget
Últimos Livros Comentados
Tópicos recentes